Tamanho do texto

Serão cumpridos nesta manhã 28 mandados no Paraná, entre busca, condução coercitiva e apreensão e prisão

A Polícia Federal faz uma operação na manhã desta terça-feira (12) para desarticular uma quadrilha do Paraná especializada em desviar recursos públicos por meio de Oscips (Organizações da Sociedade Civil de Interesse Público). O grupo pode ter desviado R$ 70 milhões dos cofres públicos, segundo estimativa da PF. 

A Operação Fidúcia, feita em conjunto com a Controladoria Geral da União, tem 28 mandados para sempre cumpridos hoje, sendo 14 de busca e apreensão, 11 condução coercitiva e 3 de prisão temporária.

PF do Paraná cumprirá 28 mandados
Marcelo Camargo/ABr
PF do Paraná cumprirá 28 mandados

As investigações tiveram início em 2011 e apontou indícios de que o grupo criminoso desviava dinheiro recebido em razão de termos de parcerias firmados com diversos Municípios do Estado do Paraná desde o ano 2005, em especial para atuação em programas na área de Saúde.

A quadrilha usava de diversas artimanhas para desviar o dinheiro, como a prestação irregular de contas, pagamentos irregulares a empresas de dirigentes das Oscips, pagamentos efetuados para empresas de “fachada” e saques de altos valores em espécie. Também há indícios de fraude em processos de licitação.

Os envolvidos foram indiciados pelos crimes de associação criminosa, peculato, falsidade ideológica, lavagem de dinheiro e delitos previstos na Lei de Licitações.

Confira algumas operações da Polícia Federal

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.