Homem preso no DF obrigava vítimas a fazer vídeos pornográficos:
reprodução/Polícia Civil
Homem preso no DF obrigava vítimas a fazer vídeos pornográficos: "Tu morre hoje"

Polícia Civil do Distrito Federal prendeu um homem de 25 anos, nesta quinta-feira (04), que coagia outros jovens a gravar e a realizar sexo por meio de ameaças de morte. O rapaz responderá pelos crimes de estrupro e extorsão contra outras duas pessoas. As informações são do portal Metropoles.

Aos adolescentes, o homem escrevia mensagens como: "Vai tomar no cú (sic). Tu morre hoje"; "porca do caralho" e "puta horrorosa". O criminoso foi preso pela Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA). O órgão cumpriu decisões judiciais de prisão temporária e busca e apreensão contra o homem.

Simone Maria Silva, delegada-chefe da DPCA, afirmou que "as adolescentes chegaram a realizar diversos atos sexuais com outros homens sob ameaça do criminoso, que nunca se dava por satisfeito com os materiais enviados. Por fim, após submeter as vítimas a intenso sofrimento sexual e sobretudo psicológico, o envolvido exigiu pagamento em dinheiro para cessar as ameaças".

A investigação aponta que o criminoso aliciava as vítimas pela internet e oferecia dinheiro em troca de imagens íntimas. Após obter o conteúdo, o rapaz ameaçava mostrar o conteúdo impróprio aos familiares da pessoa caso eles não gravassem outros conteúdos.


De acordo com a polícia, o rapaz se apresentava como 'Gabriel Lucas'. Por meio deste perfil no Instagram, era realizado um contato inicial e as vítimas eram aliciadas através dessa conta falsa.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários