O prefeito de Granjeiro (Ceará), João Gregório Neto (PL), foi assassinado a tiros na manhã desta terça-feira (24)
Reprodução/Facebook
O prefeito de Granjeiro (Ceará), João Gregório Neto (PL), foi assassinado a tiros na manhã desta terça-feira (24)

Pouco mais de dois meses após a morte do prefeito da cidade de Granjeiro, no Ceará, o tio do atual prefeito, vice na época do crime, foi preso por suspeita de envolvimento com o assassinato.

João Gregório foi assassinado a tiros enquanto caminhava pela cidade na véspera de Natal de 2019. Após a morte dele, Ticiano Tomé, que era vice, virou prefeito da cidade. Durante as investigações da polícia, o pai de Ticiano foi considerado como suspeito e passou a utilizar tornozeleira eletrônica.

Leia também: Funcionário de fazenda "falou duas frases" e depois matou ex-prefeito

Nesta terça-feira (3), o tio de Ticiano, atual prefeito , foi preso pelo crime, que já é considerado pela polícia civil como de “motivação política”. Os motivos que levaram à prisão ainda não foram explicados. Outros três suspeitos de envolvimento com o crime também estão presos.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários