Adolescente ficou com medo de denunciar o estupro
Reprodução
Adolescente ficou com medo de denunciar o estupro

A prisão ocorreu na última quarta-feira e foi realizada por policiais civis da 106ª DP, de Itaipava. O homem, que não teve sua identidade revelada, recebeu voz de prisão em sua residência pelo crime de estupro e corrupção de menores. O estupro aconteceu no mês de novembro de 2019 no distrito da Posse.

Segundo o boletim de ocorrência, o suspeito foi acusado de ter mantido relação sexual forçada mediante grave ameaça contra uma adolescente de 15 anos de idade, na companhia de outros dois menores. Os três teriam arrancado as roupas da vítima e filmado todo o ato com um telefone celular. A adolescente relatou à polícia que o homem ameaçava não devolver seus pertences e disse, ainda, que divulgaria o vídeo caso ela não mantivesse relação com os menores.

Leia também: Polícia procura mulheres que esfaquearam suspeito de estuprar criança

Os acusados eram conhecidos da vítima por residirem na mesma localidade. A menina contou, também, que não havia procurado a polícia anteriormente por medo de represálias e que tomou coragem para fazer a denúncia após assistir a uma palestra do "Projeto Minha Aurora", criado recentemente pela Polícia Civil em parceria com a prefeitura de Petrópolis. A iniciativa cria um novo protocolo de atendimento de saúde e social a vítimas de estupro e tem um trabalho educativo de orientação sobre como identificar e agir em casos de abuso sexual.

O suspeito foi denunciado pelo Ministério Público e os adolescentes tiveram inquérito encaminhado para a Vara da Infância e Juventude.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários