Vítima foi atraída após chamada de trabalho no Facebook
FACEBOOK / REPRODUÇÃO
Vítima foi atraída após chamada de trabalho no Facebook

Uma jovem de Belém do Pará morreu após ser atacada pelo “maníaco de Marituba” e passar 12 dias internada no Hospital Metropolitano de Ananindeua, na Região Metropolitana do estado.

Jennyfer Karem da Silva Monteiro foi encontrada desacordada em região de mata no último dia 11, pouco após a prisão do adolescente. Ela estava internada em estado grave e não resistiu, morrendo na noite da terça-feira (22). O adolescente, que não teve identidade revelada, está à disposição da justiça.

Leia também: Jovem é sequestrada, estuprada e morta por adolescente chamado de “maníaco”

Pelo menos dez casos de estupro e espancamento por parte do adolescente foram registrados no Pará. Uma das vítimas, Samara Duarte Mescouto, também morreu. A suspeita é de que um homem de 20 anos seja comparsa do maníaco.

Segundo a polícia, o garoto escolhia as vítimas por meio de anúncios nas redes sociais, se passava por uma mulher que queria serviços das esteticistas e marcava encontros com elas em locais públicos. Por mensagem, ele afirmava que um homem, marido da suposta cliente, iria buscá-las. As vítimas foram estupradas, espancadas e abandonadas em área de mata.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários