Tamanho do texto

A Polícia Militar do Rio foi informada sobre a existência de um comércio ilegal de ouro, prataria, brilhantes, tickets alimentação e cartões RioCard

algema arrow-options
shutterstock
Pessoas foram presas no Rio de Janeiro

Três pessoas foram detidas, nesta sexta-feira (27), por policiais militares do 18º BPM ( Jacarepaguá ), após denúncia anônima informar a existência de um comércio ilegal de ouro, prataria, brilhantes, tickets alimentação e cartões RioCard. De acordo com a PM, o local funcionava no bairro de Jacarepaguá, na Zona Oeste do Rio.

Leia também: "Vinde a mim", pregou pastor antes de morrer eletrocutado por microfone em culto

Ainda segundo a PM , foram apreendidos no local quase R$ 10 mil em espécie; 101 bobinas de papel; 24 cartões de refeição; sete folhas de cheque; dois cartões de débito; diversos materiais de divulgação entre cartões e panfletos; dez máquinas de cartão débito; um aparelho de rádio fone portátil; um contrato de Pizzaria; e duas balanças de precisão. O caso foi registrado na 32° DP (Taquara).

Já a Polícia Civil informou que os suspeitos foram ouvidos e liberados em seguida. "As investigações estão em andamento para apurar crime contra a economia popular", disse a corporação em nota.