Tamanho do texto

Venda de mercadorias na embarcação é proibida.Vídeo foi encaminhado à unidade para análise da atuação dos policiais envolvidos no caso

Ambulante sendo preso arrow-options
Reprodução
Vídeo foi encaminhado para a Polícia e será analisado para averiguar a conduta dos agentes.

Um vídeo que mostra um ambulante sendo detido por quatro agentes do 12ºBPM (Niterói) após ser impedido de vender balas dentro de uma barca viralizou nas redes sociais. Nas imagens é possível ver o camelô sendo acompanhado pelos militares, quando um deles o segura pelo braço, ele tenta se desvencilhar, o que gera uma breve confusão e outros três PMs o jogam no chão. O caso aconteceu na estação Praça Arariboia, na terça-feira.

Leia também: Julgamento de PM que torturou e manteve companheira em cárcere privado é marcado

Dois militares soltam o ambulante enquanto um o segura pelo pescoço e outro algema as mãos do camelô. Segundo a jovem que fez as filmagens, o homem estava na barca e foi alertado pelos seguranças que não poderia vender os produtos no local: "O cara TENTOU vender, o policial chamou atenção e o cara parou, não continuou, mas reclamou muito, disse que precisava, que sustentava uma criança, que tá difícil arrumar emprego", explicou na publicação.

Segundo ela, alguns passageiros se aproximaram e entregaram dinheiro para o ambulante que reclamava sobre a proibição em vender mercadoria nas barcas .

A Polícia Militar informou que, um agente do Programa Estadual de Integração na Segurança (PROEIS), observou um homem comercializando produtos no interior de uma embarcação da Linha Praça XV/Niterói, sentido Niterói. O PM então, o advertiu quanto a proibição da prática.

Leia também: Menina de 13 anos é apreendida após matar suspeito de estupro

A corporação informou que o militar envolvido no caso, a advertência não foi atendida e solicitou o apoio de outros policiais após a atracação no pier. A ocorrência foi encaminhada à 76ªDP (Neves), onde a mercadoria foi apreendida. O vídeo foi encaminhado à unidade para análise da atuação policial.