Tamanho do texto

Edislene de Jesus Nascimento dos Santos, de 27 anos, foi baleada por volta das 21h45. Tiros atingiram queixo, ombro, barriga e braço da costureira

IstoÉ

Mulher leva seis tiros arrow-options
Reprodução/Facebook
Crime aconteceu na última terça-feira (8) por volta das 21h45.

Uma costureira foi baleada seis vezes ao chegar em casa na noite de terça-feira (8) em Ituverava (SP). O suspeito do crime é um homem de 18 anos, mas a polícia acredita que ele tenha cometido o crime a mando de um ex-namorado da mulher. O estado de saúde dela é gravíssimo, segundo o site Universa.

Leia também: Líderes da ocupação 9 de Julho, em São Paulo, conseguem liberdade após 100 dias

Edislene de Jesus Nascimento dos Santos, de 27 anos, entrava em sua casa por volta das 21h45 quando foi abordada pelo suspeito. Ela foi atingida com seis tiros que atingiram queixo, ombro, barriga e braço. A mãe dela, que estava no local, não se feriu.

Uma patrulha da Polícia Militar passava pelo local e avistou Lucas Mendes da Cunha, de 18 anos, deixando a cena do crime . Ele levou um tiro na região do quadril e foi desarmado pelos policiais. Ele foi levado a um hospital da região, passou por cirurgia e acabou preso por tentativa de homicídio , sendo encaminhado para o Centro de Detenção Provisória (CDP) de Franca.

Edislene também foi para um hospital da cidade, mas está em estado gravíssimo. A costureira, segundo a polícia, já tinha contado para os amigos sobre ameaças que recebia e que se mudaria para o Nordeste. Um ex-namorado da vítima, que recentemente deixou o presídio, seria o mandante do crime.