Jovem internada após cheirar pimenta continuará tratamento em casa após vaquinha

Isso porque a vaquinha online criada pela família, para que ela conseguisse ter o tratamento ideal dentro de casa, conseguiu ultrapassar o valor necessário.

Reprodução de TV

A meta inicial era alcançar os R$ 110 mil, porém, até a manhã do dia 18/06, foram arrecadados mais de R$ 166 mil. Desta forma a família de Thais conseguirá montar a estrutura necessária para recebê-la em casa depois da alta hospitalar.

Imagem de Memed_Nurrohmad por Pixabay

Uma outra notícia positiva foi quando ela tomou o primeiro banho de sol depois do acidente.

Reprodução redes sociais

A mãe postou fotos e mensagens nas redes sociais, mostrando a filha em tratamento.

Rerodução redes sociais

"Nossa menina saiu do quarto para tomar banho de sol pela primeira vez e logo retornou para fisioterapia. Cada conquista dela é uma realização para nós", disse Adriana Medeiros.

Reprodução redes sociais

Thais foi internada na Santa Casa de Anápolis e os médicos constataram um edema cerebral. Ela chegou a respirar com ajuda de aparelhos e sem responder às funções neurológicas.

Divulgação

A mãe de Thaís, Adriana Medeiros, disse a jornalistas que a filha cheirou a chamada "pimenta bode". E teve uma reação inesperada, que assustou a todos.

Reprodução do vídeo institucional cropped

Thais Medeiros passou mal em 17/2 por volta de 12h, na Vila Jaiara. Segundo o namorado da jovem, Matheus Oliveira, ela estava almoçando quando teve a crise.

Arquivo pessoal

Thaís sofre de asma e segundo os médicos teve o chamado 'broncoespasmo' grave. A mãe disse que Thaís nunca tinha sofrido reação alérgica de forma grave.

Arquivo pessoal

No dia 3/3, Thaís se submeteu a traqueostomia e ventilação mecânica. Ela foi entubada. Depois, Thaís foi transferida da UTI para um quarto. Os médicos avaliaram que houve comprometimento irreversível de funções cerebrais, causado pela falta de oxigenação.

UTI - Reprodução de vídeo institucional

Esse caso chama atenção para o risco de reações alérgicas. Geralmente, as pessoas não sabem que têm alergia a algo antes de sofrer as consequências.

Macrovector por Freepik

As alergias podem se manifestar de diversas formas. Uma delas, é com erupções na pele. É comum que haja coceira ou incômodo.

DLdoubleE wikimedia commons

Também há casos em que as alergias provocam tosse e coriza.

Imagem de Corina por Pixabay

Outra forma de reação é por meio de dor abdominal e diarreia.

Freepic diller por Freepik

Em casos mais graves, ocorre anafilaxia, quando a pessoa tem um comprometimento de mais de um sistema no corpo: cardiovascular, respiratório, gastrointestinal.

BruceBlaus wikimedia commons

Pimentas não são motivo comum de alergia. Mas existem referências a isso na literatura médica.

Jastrow wikimedia commons

As pimentas entram no setor de especiarias, que também inclui noz-moscada, curry, orégano, etc. São condimentos para realçar o sabor dos alimentos.

Imagem de Mareefe por Pixabay

A pimenta bode é originária do Brasil e pode ser encontrada em grande número em Goiás, no Centro-Oeste, e algumas partes do Nordeste.

André Karwath wikimedia commons

Ela também é conhecida pelo nome popular de pimenta-laranja.

André Karwath wikimedia commons

A pimenta-bode é fácil de plantar em casa. Mede até 90 cm e sua cor varia de verde a laranja, conforme amadurece.

pimenta bode - Carstor wikimedia commons

Essa pimenta tem aroma forte e por isso é uma boa opção para o tempero das refeições.

Divulgação Mercado Livre

Além do cheiro agradável, a pimenta bode é utilizada para dar mais cor e ardência.

Hutschi wikimedia commons

Geralmente, as alergias a poeira, mofo e umidade são mais perceptíveis. A pessoa tem tosse, coceira no nariz e identifica logo que o motivo é o ambiente. É bom caprichar na limpeza.

image by master1305 on Freepik

Nesse caso de alergias respiratórias, é importante manter a casa arejada e trocar sempre a roupa de cama, para que os ácaros não proliferem.

Image by jcomp on Freepik

Mas no caso de alimentos, a pessoa só descobre que é alérgica depois que come. Para evitar maiores riscos, é possível procurar o alergista e fazer alguns testes com alimentos que têm fama de perigosos.

Freepik

São eles: amendoim, crustáceos, mariscos, castanhas, ovos e leite de vaca.

Youtube Canal Entre e Coma sem Gula

Fazendo teste, dá pra descobrir logo uma alergia e substituir o alimento.

Freepik

Thaís tem duas filhas que agora estão angustiadas sem a presença da mãe. Os médicos chegaram a dizer que ela não voltará a exercer as atividades normais. Mas a família está esperançosa.

Arquivo pessoal

Veja mais Top Stories