Tamanho do texto

Pequim, 5 ago (EFE).- As equipes de salvamento confirmaram a morte de seis mineradores que permaneciam presos no poço de uma mina de carvão na província de Hubei, no centro da China, devido a uma explosão de gás ocorrida na quinta-feira, informou a agência oficial Xinhua.

Os dois primeiros corpos foram achados no sábado, e os outros quatro foram recuperados nesta segunda-feira, na mina de carvão de Dakuatian, no condado de Zigui.

Somente seis dos 37 trabalhadores da mina ficaram presos por causa da explosão, cuja causa permanece desconhecida. Todos os falecidos são do sexo masculino, e têm idades entre 30 e 40 anos.

As minas de carvão chinesas são as mais perigosas do mundo, e em 2007 registraram 3.786 mortes. EFE jt/gs

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.