Tamanho do texto

Los Angeles (EUA.), 5 ago (EFE) - O edifício onde se encontram as produtoras de cinema de Tom Cruise e Salma Hayek foi desalojado hoje depois que foi recebida uma ameaça de bomba, segundo confirmou à Agência Efe a empresa da atriz mexicana.

A ordem de evacuação ocorreu por volta das 11h (15h em Brasília), depois que os administradores do edifício, a Torre MGM, alertaram para a possibilidade de que houvesse explosivos no complexo.

O incidente terminou sem conseqüências e os empregados já voltaram aos postos de trabalho.

"Tudo está normal", disse o pessoal da Ventanarosa, a produtora de Hayek.

O alarme começou com uma ligação telefônica que um funcionário teria recebido e na qual se dizia que "um dispositivo seria ativado ao meio-dia".

A torre de 13 andares, situada em Century City em Los Angeles, é a sede, além disso, da empresa de Tom Cruise, United Artists, e conta com escritórios da Metro Goldwyn-Mayer e a agência de relações públicas International Creative Management (ICM). EFE fmx/db

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.