Tamanho do texto

A polícia investiga um novo suspeito no caso do desaparecimento da pequena Madeleine McCann em Portugal, que seria um pedófilo britânico, informaram nesta quinta-feira a imprensa e um porta-voz da família da vítima.

Segundo o jornal britânico Daily Mail, os policiais suspeitam de Raymond Hewlett, 64 anos, que vivia na zona do complexo turístico de Praia da Luz quando Madeleine, de três anos, desapareceu, em maio de 2007.

Um porta-voz de Kate e Gerry McCann, os pais da menina, confirmou que os investigadores seguem agora a pista de Hewlett.

O porta-voz, Clarence Mitchell, destacou que Hewlett é uma das várias pistas investigadas pela polícia, sem dar detalhes sobre a operação.

ar/LR

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.