Tamanho do texto

Quito, 16 ago (EFE).- O presidente do Equador, Rafael Correa, saiu ileso hoje de uma violenta manifestação de opositores ao projeto de nova Constituição, que tentaram agredir o chefe de Estado na saída de uma universidade.

Uma fonte da Presidência disse à Agência Efe que Correa não sofreu nenhuma agressão física enquanto entrava em seu carro, que foi alvo dos paus lançados por opositores quando saía de uma universidade na cidade de Guayaquil. EFE sm/rr

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.