Tamanho do texto

Animal era uma fêmea da espécie, tinha aproximadamente cinco metros de comprimento e foi encontrado na ilha de Guadalupe, na costa mexicana

Tubarão e mergulhadora arrow-options
Pixabay
Ataque violento aconteceu na Ilha de Guadalupe, no México.

Uma mulher viveu momentos de tensão enquanto mergulhava nas proximidades da ilha de Guadalupe, no México . Nancy Lasuzzo estava dentro de uma gaiola de mergulho quando foi atacada por um tubarão-branco de mais de cinco metros de comprimento. 

Leia também: Após 71 anos, descoberta reabre investigação do maior mistério da Austrália

O tubarão , segundo o jornal britânico Express , era uma fêmea e já havia sido visto pela região, sendo que os locais o batizaram de Bullet. No vídeo, que foi postado no Facebook, é possível ver o animal mordendo e chacoalhando a gaiola. 

Assista abaixo: 

Após atacar a gaiola, o tubarão solta o objeto e se afasta lentamente. Fêmeas da espécie podem medir até seis metros de comprimento e pesar mais de 2,5 toneladas. Além disso, elas podem viver por até 70 anos.