Tamanho do texto

No nordeste da Inglaterra, oficiais decidiram usar os cartões para intimidar bandidos e prometem repetir a ação em aniversários e próximo ao Natal

Em uma tentativa de reduzir o número de roubos em datas comemorativas, policiais mostram que estão de olho
Reprodução/The Sun
Em uma tentativa de reduzir o número de roubos em datas comemorativas, policiais mostram que estão de olho

Com o Dia dos Namorados se aproximando na Europa, policiais da região de Bishop Auckland, ao nordeste da Inglaterra, decidiram adotar uma medida pouco convencional para evitar ocorrências na data comemorativa: enviar cartões aos criminosos.

LEIA MAIS: Com 500 quilos, mulher mais gorda do mundo passa por cirurgia bariátrica

Com a mensagem “Passe o Dia dos Namorados com seu amor e não com a gente”, os cartões começaram a ser enviados na última quinta-feira (9). “Nós vamos entregar pessoalmente aos dez maiores criminosos de cada área e os outros receberão o cartão pelo correio”, comentou o inspetor Andy Reeves.

Outra versão do bilhete vai levar uma mensagem diferente. “Não estrague o Dia dos Namorados cometendo ofensas nessa época. Nós estaremos de olho em você”.

A medida é parte de uma campanha em andamento para identificar e deter pessoas envolvidas em furtos, roubos e assaltos a comércios locais. Receberão cartões aqueles que já cometeram crimes em um parque comercial da região.

LEIA MAIS: Canadense caminha até a Argentina para realizar sonho (e dá de cara com a porta)

Mas não para por aí: o departamento policial de Durham, que está por trás da iniciativa, promete que essa não será uma ação isolada. "Em seus aniversários e próximo ao Natal, eles podem esperar que a gente entre em contato porque estaremos pensando neles”, afirmou Reeves.

São Valentim

Nos países do Hemisfério Norte, o Dia dos Namorados é comemorado no Dia de São Valentim, em 14 de fevereiro. O Brasil é o único País a comemorar a data em 12 de junho, véspera do dia de Santo Antônio, conhecido por sua fama de casamenteiro.

São Valentim ficou conhecido por celebrar casamentos em uma época em que o matrimônio havia sido proibido. Ele foi condenado à morte e se apaixonou pela filha de um carcereiro, escrevendo cartas assinadas “seu namorado” ou “de seu Valentim”.

LEIA MAIS: "De quem é o rosto?": jovem acha foto de seu corpo com outra cabeça no Instagram

Por causa dessas cartas e porque amantes usavam a data para deixar mensagens na soleira de seus amados, enviar cartões se tornou uma tradição de Dia dos Namorados. O que os criadores da tradição não imaginavam é que essa se tornaria uma forma de intimidar bandidos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.