Tamanho do texto

O Japão criou um ministério de Desenvolvimento Espacial, uma nova pasta anunciada depois da adoção de uma lei sobre a política espacial que já não proíbe a utilização do espaço com fins militares defensivos.

O primeiro-ministro japonês, Yasuo Fukuda, nomeou nesta terça-feira o ministro da Política Científica, Fumio Kishida, ministro encarregado do Desenvolvimento Espacial.

O Japão adotou no mês passado uma lei que determina que, "conforme os princípios pacifistas da Constituição, as pesquisas espaciais e a utilização do espaço têm por objetivo garantir a paz e a segurança internacional e do país, e proteger a humanidade contra diversas ameaças" (como catástrofes naturais, por exemplo).

O Japão deseja ampliar suas pesquisas e fortalecer a indústria aeroespacial para poder desempenhar um papel importante em nível mundial.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.