Tamanho do texto

O governo americano pediu nesta quinta-feira ao presidente zimbabuano, Robert Mugabe, que detenha a violência, após o suposto ataque a partidários da oposição, e reclamou o anúncio oficial dos resultados das eleições.

"Diante de tudo isso, o presidente tem de (...) deter os ataques de seus serviços de segurança e de seus partidários contra aqueles que tentam, simplesmente, expressar suas opiniões de forma pacífica", disse o porta-voz do Departamento de Estado, Tom Casey.

"Já houve um prazo absolutamente pouco razoável e inexplicável para divulgar os resultados da eleição", acrescentou Casey.

"Queremos, portanto, que o governo do Zimbábue detenha a violência. Queremos ver divulgados os resultados que reflitam a decisão dos eleitores no dia da votação", completou o porta-voz.

Os resultados da eleição presidencial de 29 março de 2008, no Zimbábue, ainda não foram anunciados. O líder da oposição, Morgan Tsvangirai, reivindica a vitória frente a Robert Mugabe, no poder há 28 anos.

lc/tt

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.