Tamanho do texto

Genebra, 28 nov (EFE).- A epidemia de cólera no Zimbábue continua se espalhando e as últimas informações da ONU, divulgadas hoje, falam de 9.

463 casos e 389 mortes.

A doença já se espalhou por todo o país, afirmou a Organização Internacional de Migrações (OIM), que advertiu que a crise se agrava com as inundações que são registradas por causa da chegada antecipada das chuvas.

O Escritório de Coordenação de Ajuda Humanitária (Ocha) da ONU advertiu que a crise começa a se tornar regional, pois o cólera já atinge Botsuana e África do Sul.

"A rápida deterioração dos serviços de saúde no Zimbábue, a falta de água adequada e a ausência de locais para depositar lixo na maior parte das regiões, continuam contribuindo para a escalada do surto", afirmou a porta-voz da Ocha, Elizabeth Byrs. EFE vh/fal

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.