Tamanho do texto

Nova Délhi - Pelo menos duas pessoas morreram hoje no estado indiano central de Madhya Pradesh em protestos de radicais hindus contra a revogação da alocação de terrenos a um organismo que promove peregrinações hindus na Caxemira, com o que o número de vítimas fatais desde ontem aumentou para seis.

Um dos mortos foi vitimado quando várias pessoas que se encontravam entre a multidão abriram fogo contra um grupo de manifestantes na cidade de Indore, disse o arrecadador de impostos do município, Rakesh Shirivastava, citado pela agência "PTI".

Segundo a fonte, a outra vítima morreu em circunstâncias similares em um ponto diferente da cidade, onde foram registrados protestos, apesar do toque de recolher imposto pelas autoridades.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.