Tamanho do texto

As forças de segurança mataram pelo menos cinco manifestantes muçulmanos na área indiana da Caxemira, um território dividido entre Índia e Paquistão sob forte tensão há dois meses entre hindus e muçulmanos, anunciou a polícia local.

Três manifestantes morreram perto de Bandipora, 65 km ao norte de Srinagar, a capital de verão da Caxemira indiana, onde outras duas pessoas morreram e se impôs um toque de recolher diurno.

wi/fp

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.