Tamanho do texto

Manila, 22 mai (EFE) - As autoridades filipinas elevaram hoje a 44 o número de pessoas que morreram na região norte das Filipinas por causa da tempestade tropical Halong, que causou danos no valor de 3,743 bilhões de pesos (US$ 86,7 milhões). O Conselho Coordenador de Desastres Nacional, uma agência estadual que divulga as informações sobre a catástrofe, informou que 31 das 44 mortes ocorreram na província de Pangasinan, por onde a tempestade entrou no país no sábado passado, em acidentes provocados por ventos de 105 km/h. A mesma fonte acrescentou que há mais de um milhão de pessoas afetadas em cinco províncias do norte do país e que a tempestade destruiu, total ou parcialmente, 87.408 casas.

A estação chuvosa nas Filipinas começa entre maio e junho e se prolonga até outubro ou novembro, e durante esse período o arquipélago é atingido por uma média de 15 a 20 tufões. EFE jgb/db

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.