Tamanho do texto

A secretária de Estado americana, Condoleezza Rice, informou nesta quarta-feira que caberá ao presidente eleito, Barack Obama, decidir se os Estados Unidos abrirão, ou não, uma seção de interesses em Teerã.

Uma vez que estamos nas "últimas semanas (de mandato do presidente George W. Bush), será provável e preferível que esta decisão fique para o próximo governo", declarou a chefe da diplomacia americana, durante entrevista à imprensa.

sl/cel/sd

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.