Tamanho do texto

O primeiro-ministro italiano Silvio Berlusconi prometeu nesta terça-feira no Parlamento que a companhia aérea Alitalia, em crise, não será vendida a preço baixo nem nacionalizada.

"Uma solução será encontrada para a crise da Alitalia, sem que ela seja dada nem nacionalizada", afirmou Berlusconi, antes de afirmar que com o apoio financeiro de investidores italianos será obtida uma saída para o problema da aviação italiana.

O governo italiano concedeu um empréstimo urgente de 300 milhões de euros à Alitalia após o fracasso, em abril, das negociações com a gigante européia Air France- KLM, o que foi criticado pelas instituições econômicas da União Européia.

kv/fp

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.