Tamanho do texto

Nove viaturas da polícia de Portland, em Oregon, foram mobilizadas durante 'comemoração' do Dia dos Namorados

selo

Um casal foi detido no Estado americano do Oregon por mobilizar diversas viaturas da polícia em uma brincadeira de Dia dos Namorados, na qual a mulher foi despida, amarrada e colocada na parte de trás de um carro.

O caso ocorreu na cidade de Portland na última terça-feira (14), dia de São Valentim - comemorado como Dia dos Namorados em diversos países, inclusive os Estados Unidos.

Leia também: Motorista de ônibus é acusado de fotografar sob saias das passageiras

Nikolas Alexander Harbar e Stephanie Morgan Pelzner, em fotos divulgadas pela polícia de Portland
BBC
Nikolas Alexander Harbar e Stephanie Morgan Pelzner, em fotos divulgadas pela polícia de Portland

Por volta das 12h35, policiais se dirigiram a um supermercado depois que relatos indicaram que um veículo havia sido visto deixando o estacionamento do local com uma mulher nua e amarrada na parte de trás, com fita adesiva colada em sua boca.

Dezenas de policiais foram deslocados nas buscas pelo carro, descrito como um Subaru azul. Uma testemunha disse à polícia que o condutor do carro era um homem branco na faixa dos 20 e poucos anos, com um cavanhaque e óculos escuros, e que a mulher "parecia confusa". A testemunha afirmou ainda que, segundo o homem do casal, eles estavam "apenas se divertindo".

Por volta das 12h56, os policiais avistaram o carro chegando à casa indicada como endereço de registro do veículo. Eles interpelaram o condutor e viram a mulher nua e amarrada na parte de trás do Subaru.

O homem, chamado Nikolas Alexander Harbar, 31 anos, disse aos policiais que ele e sua namorada, Stephanie Morgan Pelzner, 26 anos, estavam fazendo uma brincadeira de Dia dos Namorados.

Os policiais confirmaram com Stephanie a informação de que ela estava voluntariamente amarrada e nua na parte de trás do carro. O casal foi detido por conduta desordeira de segundo grau e levados à cadeia do condado de Multnomah. Pelo menos nove carros da polícia de Portland foram envolvidos na operação de busca.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.