Tamanho do texto

Veículo que transportava o vice-governador de Kandahar é alvo de atentado suicida

selo

O vice-governador da província de Kandahar, no Afeganistão, foi morto em um ataque suicida neste sábado. De acordo com autoridades afegãs, o suicida atacou o comboio onde Abdul Latif Ashna estava, quando o vice-governador era levado para o trabalho, na cidade de Kandahar.

O porta-voz do Ministério do Interior afegão Zemery Bashery, afirmou que o suicida estava em uma moto. Ele jogou a moto contra o carro onde estava Ashna e explodiu o dispositivo que levava. Três funcionários que faziam a segurança do vice-governador ficaram feridos no ataque, segundo o porta-voz.

Policial observa danos causados ao carro de autoridade afegã que foi alvo de ataque em Kandahar
Reuters
Policial observa danos causados ao carro de autoridade afegã que foi alvo de ataque em Kandahar

O embaixador americano no Afeganistão, Karl Eikenberry, que estava visitando Kandahar, afirmou que a morte do vice-governador não vai prejudicar os esforços para derrotar os militantes que agem no país.

"A perda de um grande vice-governador como ele é um retrocesso. O que vemos frequentemente (no país) são líderes afegãos emergindo e o povo se juntando a eles em um esforço para estabelecer a segurança nesta província", disse Eikenberry a jornalistas.

Forças afegãs e internacionais aumentaram sua presença em Kandahar recentemente para tentar conter os insurgentes do Talebã na província. A cidade de Kandahar é o lugar onde nasceu o líder do Taleban, mulá Omar.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.