Cuba
Reprodução/Twitter The Daily Center
Embaixada de Cuba


Um homem realzou mais de 30 disparos contra a Embaixada de Cuba em Washington, nesta quinta-feira (30), em um ato terrorista . O homem foi detido pelas autoridades policiais e é alvo de investigação do Serviço Secreto Americano para identificar a motivação do atentado. 

"Nesta manhã, aproximadamente às 2h15 (3h15 em Brasília), agentes do Serviço Secreto responderam a relatos de disparos na Embaixada de Cuba. Uma pessoa foi detida por estar em posse de uma arma de fogo e munição sem registro e posse de um artefato com grande capacidade (de disparo)", comunicou o Serviço Secreto em nota.

Leia também: Bolívia estende isolamento no país e adotará modelo de "quarentena dinâmica"

O ataque não deixou feridos. O prédio sede dos diplomatas cubanos sofreu danos materiais. 

O governo de Cuba espera a correspondente investigação das autoridades americanas sobre a identidade e as motivações desta agressão, assimo com as circunstâncias que envolvem o fato", disse o ministro das Relações Exteriores.

    Veja Também

      Mostrar mais