Detenta que faleceu pela Covid-19 tinha comorbidades
GlobalStock/GettyImages/CreativeCommons
Detenta que faleceu pela Covid-19 tinha comorbidades


Depois de ter dado à luz a um bebê, uma mulher de 30 anos faleceu no Texas, nos Estados Unidos. Andrea Circle Bear cumpria pena na prisão federal por envolvimento com drogas. A mulher se sentiu mal quatro semanas após ter alta de hospital, onde fez uso de ventiladores por Covid-19 e realizou o parto cesariano.

O parto foi realizado enquanto a detenta estava fazendo uso das máquinas de ventilação. O diagnóstico da doença transmitida pelo novo coronavírus foi confirmado apenas três dias depois.

Segundo o Escritório Federal de Prisões, que confirmou o óbito, Andrea teve complicações em seu quadro por ter comorbidades. A doença não foi revelada.

Ainda segundo o órgão, a mulher estava presa em instalação para mulheres com necessidades médicas especiais. Na prisão, Andrea fazia tratamento por conta do abuso de substâncias. Caso contribuísse, ela poderia conseguir redução de pena.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários