Amy Klobuchar fazendo discurso em púlpito
Reprodução/Twitter @amyklobuchar
Amy Klobuchar foi a terceira democrata a desistir de candidatura

A senadora Amy Klobuchar desistiu da corrida para definir o candidato democrata nas eleições presidenciais dos Estados Unidos , informaram os jornais americanos nesta segunda-feira (2). De acordo com a imprensa, Klobuchar passará a apoiar o ex-vice-presidente Joe Biden , que venceu por ampla vantagem a primária realizada na Carolina do Sul.

Um porta voz da campanha, citado pelo Washington Post , informou que a senadora viajará para Dallas, onde participará nesta noite do comício de Biden, atualmente em segundo lugar na disputa. A decisão de Klobuchar foi tomada depois de não obter um bom resultado na Carolina do Sul.

Esta é a terceira desistência desde a primária do último final de semana. Antes da senadora, o magnata ambientalista Tom Steyer e Pete Buttigieg, ex-prefeito de South Bend , também deixaram a briga para concorrer à presidência dos EUA e enfrentar Donald Trump.

Buttigieg se destacou nas duas primeiras eleições primárias em Iowa e New Hampshire, ficando em primeiro e segundo lugar, respectivamente, nos dois estados. Primeiro pré-candidato abertamente gay a participar das primárias surpreendeu e chegou a ser cotado como um dos nomes fortes para vencer Donald Trump.

Leia também: Justiça dos EUA barra programa de Trump que devolvia imigrantes ao México

Por ser pouco conhecido e ter baixa popularidade entre o eleitorado negro, no entanto, o ex-prefeito de South Bend perdeu o fôlego inicial que tinha, fatia da população importante e que está concentrada na Carolina do Sul.

A desistência dos três ocorre há pouco tempo da "Superterça", quando estarão em jogo 14 estados e a Samoa Americana e um terço do total de delegados democratas. Nesse cenário, permanecem na disputa com mais chances de vitória Joen Biden e Bernie Sanders.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários