Segundo informações, ao menos três pessoas morreram no ataque deste domingo
Reprodução
Segundo informações, ao menos três pessoas morreram no ataque deste domingo

Um grupo extremista islâmico atacou uma base militar no sudeste do Quênia, deixando pelo menos três americanos mortos, incluindo um soldado.

Leia também: Militares do Irã duvidam que Trump cumpra ameaças que fez: "não teria coragem"

As Forças Armadas dos Estados Unidos (EUA) informam que o grupo extremista Al-Shabab, da Somália, atacou a Base Militar da Força de Defesa do Quênia na manhã desse domingo (5), nas proximidades da fronteira com a Somália.

Elas informam que um militar e dois funcionários da base foram mortos, e que dois funcionários do Departamento de Defesa norte-americano ficaram feridos.

A agência de notícias Reuters citou testemunhas e fontes militares que teriam dito que o ataque durou cerca de quatro horas, e que helicópteros americanos e vários veículos militares foram destruídos.

Leia também: Área da embaixada dos EUA em Bagdá é atingida por foguetes; Trump reage

Cerca de 150 americanos estariam no local para treinar e oferecer apoio a soldados quenianos lutando contra o Al-Shabab .

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários