Tamanho do texto

Menino de 14 anos matou todos os familiares dentro de casa em cidade com menos de 500 habitantes. Motivação do crime ainda não foi descoberto

Sirenes policiais na frente de casa arrow-options
CNN / Reprodução
Polícia foi chamada pelo próprio adolescente

Um menino de 14 anos matou a mãe, o pai e os três irmãos a tiros na cidade de Elkmont, no Alabama, Estados Unidos na noite da segunda-feira (3).

O adolescente ligou para a polícia após matar os pais com um revólver de 9mm e disse que estava no porão de casa quando escutou os tiros. Quando os policiais chegaram no local ele repetiu a versão. Dois dos parentes chegaram a ser socorridos para o hospital, mas não resistiram. 

Leia também: Atirador mata cinco pessoas, fere 21 e é abatido no Texas, diz polícia 

Após ser interrogado, o menino confessou o crime e ajudou a polícia a procurar a arma que ele jogou em uma estrada. Segundo o canal norte-americano CNN, o menino está apreendido e ainda não há informações sobre se ele vai ser indiciado como adulto ou não. 

O motivo do crime não foi esclarecido até o momento. A escola na qual o atirador estudava afirmou que psicólogos e assistentes sociais estão à disposição da população de pouco mais de 500 habitantes.