O ouro é a segunda maior importação da Índia e atrai tarifas alfandegárias que fazem do contrabando uma tentação
Reprodução/Indian Directorate of Revenue Intelligence
O ouro é a segunda maior importação da Índia e atrai tarifas alfandegárias que fazem do contrabando uma tentação

Autoridades da Índia detiveram 29 pessoas no Aeroporto Internacional de Madurai, em Tamil Nadu, depois de descobrirem que escondiam quantidades grandes de ouro em seus retos. Os passageiros chegaram ao país em dois voos diferentes, ambos vindos da capital do Sri Lanka, Colombo.

Leia também: Homem fantasiado de tubarão é preso por lei que proíbe o uso de burca na Áustria

Segundo as autoridades do aeroporto internacional afirmaram ao jornal The Guardian , mais de 10 kg de ouro foram encontrados em pelo menos 37 passageiros, sendo que algumas pessoas levavam as barras em malas de mão, enquanto outras guardaram no local “mais escondido”, ou seja, em pacotes colocados no ânus, ao que a Direção de Inteligência de Receita da Índia (DRI), agência de aplicação da lei que interceptou os passageiros, chamou de “forma engenhosa de ocultação”.

Assim, depois de revistar os passageiros e suas bagagens, todo o metal precioso foi confiscado pelos oficiais da DRI. De acordo com a agência, o material encontrado vale cerca de 30 milhões de rúpias – algo em torno de R$ 145 mil.

Você viu?

Leia também: Suposto fantasma é visto em hotel que inspirou "O Iluminado", de Stephen King

Os traficantes foram liberados após o confisco do ouro, pois nenhum deles estava levando o suficiente para cumprir o limite penal estabelecido pelo país indiano.

“Adoro ouro”

Muito popular no país, o metal precioso é tradicionalmente utilizado pelas noivas, sendo frequentemente entregue como parte do dote da mulher – na maioria dos casos, com exceção das famílias mais pobres, além de ser doado para os templos hindus como oferendas.

Leia também: Feijoada no avião? Casal de idosos leva comida para voo e foto viraliza na web

Estima-se que os indianos detêm pelo menos US$ 1 milhão em ouro pessoal. Um templo descoberto em 2011, em Kerala, tinha armazenado US$ 22 bilhões do metal precioso em seu cofre. Com isso, o ouro é a segunda maior importação da Índia, após o petróleo bruto, e atrai tarifas alfandegárias que fazem do contrabando uma tentação para indivíduos e sindicatos. Somente no ano fiscal de 2016/2017, o DRI recuperou mais de 560 kg de ouro ilegalmente contrabandeado, prendendo 188 pessoas.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários