Tamanho do texto

A polícia, que foi chamada para averiguar a situação e agora investiga o caso, acredita que o caixão foi retirado de algum cemitério ou funerária da região

Órgãos de criança foram encontrados, dentro de um caixão, em calçada na Filadélfia
Reprodução/CBS
Órgãos de criança foram encontrados, dentro de um caixão, em calçada na Filadélfia


Órgãos de uma criança foram encontrados, na última segunda-feira (3), dentro de um caixão em uma calçada na Filadélfia, capital do estado da Pensilvânia, nos Estados Unidos. Enrolado em um saco de lixo preto, o caixão chamou a atenção de pedestres, que comunicaram a polícia para investigar o caso.

Leia também: Homem atrai abelhas "apaixonadas por ele" e ganha dinheiro com os insetos

Segundo o portal  The New York Post , o caixão branco, de tamanho infantil, foi visto na noite da segunda-feira (3), aproximadamente às 21h. Ele estava na calçada da Rua West Clearfield, que fica nas proximidades do cemitério Mount Vernoun, quando a polícia chegou e, ao abrir o compartimento, descobriu um saco de órgãos que pareciam pertencer a uma  criança .

O caso está sendo analisado pela polícia, e o inspetor-chefe Scott Small explicou que "o mais estranho é que não havia nenhum corpo dentro do caixão, mas apenas um saco com órgãos", de acordo com o site  Philly.com .

Small ainda declarou casos parecidos já foram registrados, e que pessoas pegam restos de corpos humanos por motivos estranhos e aleatórios.

Como a principal suspeita é que o caixão tenha sido roubado, a primeira providência as autoridades foi enviar os órgãos para exames médicos, e depois verificar os dois cemitérios mais próximos da região. Os oficiais buscaram por covas abertas ou com indícios de manipulação, mas, como não obtiveram sucesso, entraram em contato com funenárias locais e esperam conseguir respostas.

Agora, tanto os órgãos quanto o caixão estão retidos no Escritório de Perícia da cidade para dar continuidade às investigações. 

Testemunhas

Em entrevista ao portal  Philly.com , Chris James relatou que estava em um posto de gasolina nas proximidades da Rua West Cleafield quando percebeu algumas pessoas falando com a polícia. Curioso, ele resolveu averiguar o que estava acontecendo e descobriu o objeto.

Segundo James, os policiais acreditavam, quando receberam as ligações, que aquele era mais um caso de trote. Por causa disso ficaram ainda mais chocados quando abriram o caixão e descobriram os órgãos da criança.

Leia também: Banheiros químicos "possuídos" perseguem pessoas na Rússia; veja imagens