Tamanho do texto

Reunião que acontece neste fim de semana, 19 e 20 de novembro, pode ainda render encontro de Barack Obama com o presidente russo Vladimir Putin

Começa neste sábado (19) a cúpula de alto nível entre os países que fazem parte da Cooperação Econômica da Ásia e do Pacífico, Apec, na sigla em inglês. A reunião, em 2016, é sediada em Lima, no Peru e segue até domingo (20). O encontro marca ainda o último compromisso internacional do presidente norte-americano, Barack Obama .

Na Apec,  Obama tem seu último compromisso internacional e ainda pode se reunir com o presidente russo Vladimir Putin
Reprodução/The White House
Na Apec, Obama tem seu último compromisso internacional e ainda pode se reunir com o presidente russo Vladimir Putin

LEIA MAIS:  Última reunião entre Obama e Putin antes da posse de Trump deve ser nessa semana

A Apec é um fórum econômico composto por 21 países da região Ásia-Pacífico que tenta promover crescimento e cooperação econômica entre os países membros.

No encontro deste ano, Barack Obama deve tentar acalmar os ânimos dos líderes dos países do grupo, com exceção da Rússia - liderada por Vladimir Putin -, sobre as expectativas para o novo governo americano.

Putin já havia declarado apoio a Trump, em oposição a Hilary Clinton, e na ocasião em que o empresário venceu as eleições americanas, o presidente russo o parabenizou , e ainda declarou que "as relações entre o seu país e os Estados Unidos poderão sair da crise", mencionando ainda o fim da Guerra Fria - conflito ideológico entre Rússia e Estados Unidos que tomou parte do século XX.

O sucessor de Obama, recentemente eleito Donald Trump, já declarou muitas vezes em campanha que não tem a intenção levar adiante nenhum dos acordos econômicos assinados pelo atual presidente com os membros do grupo. 

Até o momento, Barack Obama já se reuniu com o Pedro Pablo Kucynski, presidente do Peru, e tem em sua agenda um encontro com o líder chinês, Xi Jinping.

Outra ocasião muito esperada que pode acontecer neste encontro internacional, é a reunião entre o presidente dos Estados Unidos e o líder Russo, o polêmico Vladimir Putin, que ainda não foi confirmada.

LEIA MAIS: Obama será o último presidente dos EUA, diz vidente que previu o 11/09 e o EI

Putin, por sua vez, já chegou ao Peru e tem encontros marcados com os chefes de governo e de Estado do Peru, Filipinas, Vietnã, China e Japão.

O mandatário chinês já anunciou sua intenção de debater neste encontro a criação de uma área de livre comércio para os 21 países-membros da Apec. De acordo com Xi Jinping, isso favoreceria um crescimento mundial mais justo, já que, desde o começo da crise financeira, a China contribuiu com 40% do crescimento global.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.