Tamanho do texto

Apenas nos últimos meses, aproximadamente 30 menores de idade foram presos na França no âmbito de investigações contra terrorismo internacional

Cerca de 30 menores de idade foram presos na França no âmbito de investigações contra o terrorismo internacional
Wilayat Sinai/Divulgação
Cerca de 30 menores de idade foram presos na França no âmbito de investigações contra o terrorismo internacional

A polícia de Paris prendeu nesta quarta-feira (14) um adolescente de 15 anos que estaria pronto para cometer um atentado terrorista na cidade. O jovem mantinha contato com o jihadista francês Rachid Kassim, que hoje vive na Síria e inspirou a realização de ataques recentes no país europeu, como o assassinato de um padre nos arredores de Rouen. 

O adolescente detido nesta quarta não era conhecido dos serviços de inteligência, mas levantou suspeitas ao tentar comprar uma arma. Apenas nos últimos meses, cerca de 30 menores de idade foram presos na França no âmbito de investigações contra o terrorismo.

Praticamente todos os dias, Kassim divulga mensagens no aplicativo Telegram pedindo para jihadistas "ensanguentarem" o solo francês, que desde o ano passado tem convivido com recorrentes atentados terroristas, sendo o mais grave deles o de 13 de novembro de 2015, que matou 130 pessoas.  

"Nosso trabalho é extremamente denso para identificar quem pode passar à ação. Trabalhamos dia e noite", declarou o ministro do Interior Bernard Cazeneuve, comentando a prisão do adolescente.


    Leia tudo sobre: Estado Islâmico
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.