Tamanho do texto

Na praça São Pedro, Vaticano, o papa ainda convidou os fiéis a rezar muito pela Síria, "este caro e martirizado país"

Papa fez apelo pela Síria à comunidade internacional
Osservatore Romano
Papa fez apelo pela Síria à comunidade internacional

O papa Francisco fez neste domingo (7) um apelo para que a comunidade internacional "não poupe esforços" para levar "com urgência" as partes envolvidas na guerra civil da Síria para a mesa de negociações.

"Apenas uma solução política do conflito será capaz de garantir um futuro de reconciliação e paz a este caro e martirizado país, pelo qual os convido a rezar muito", declarou o Pontífice, logo após a celebração do Angelus, na praça São Pedro, Vaticano

Na semana passada, as tratativas sobre o conflito sírio, que acontecem em Genebra, na Suíça, foram suspensas até o dia 25 de fevereiro, frustrando os que viam ali uma chance de diálogo entre o governo de Bashar al Assad e forças de oposição.

"Faço apelo à comunidade internacional a fim de que não se poupe nenhum esforço para levar com urgência à mesa de negociações as partes em conflito na Síria", disse papa Francisco. Desde que iniciou seu Pontificado, em março de 2013, Francisco tem feito recorrentes súplicas por uma solução pacífica para o conflito no país árabe, que, além das batalhas entre as forças de Assad e de oposição, tem parte do seu território nas mãos do grupo jihadista Estado Islâmico.