Tamanho do texto

Uma assistente do dentista estava no quarto, mas deixou a sala e fechou a porta quando a vítima recebeu a anestesia

Um dentista é acusado de colocar seu pênis na boca de um paciente inconsciente durante um procedimento cirúrgico em uma clínica de Maryland, Estados Unidos.

Bilal Ahmed, de 43 anos, é acusado de abuso sexual de primeiro grau. A vítima diz que visitou a clínica depois de lascar o seu dente.

Bilal Ahmed, de 43 anos, foi acusado de abuso sexual de primeiro grau
Reprodução
Bilal Ahmed, de 43 anos, foi acusado de abuso sexual de primeiro grau

De acordo com o inquérito, Ahmed disse para a vítima que o dente teria que ser removido e que para isso iria usar óxido nitroso, também conhecido como gás hilariante, para sedá-lo.

Uma assistente do dentista estava no quarto, mas deixou a sala e fechou a porta quando a vítima recebeu a anestesia. Quando a paciente acordou, o acusado estava forçando o ato sexual, colocando o pênis em sua boca.

O dentista foi preso no dia 07 de janeiro no Aeroporto Internacional John F. Kennedy depois de voltar do Paquistão, mas foi liberado depois pagar fiança.

O dentista se diz inocente, mas está proibido de fazer contato com a vítima e de exercer a profissão. O caso será julgado em 17 de fevereiro.

Veja os crimes que marcaram 2015


    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.