Tamanho do texto

Hercules C-130 estava com 101 passageiros e 12 tripulantes a bordo quando caiu em uma área residencial e se incendiou

O comandante da Força Aérea da Indonésia, Agus Supriatna, disse há pouco que o avião do Exército do país, que caiu hoje (30) na cidade de Medan, estava com 113 pessoas a bordo. Ele acredita que não há sobreviventes.

Leia mais:

Avião militar cai sobre área residencial na Indonésia e deixa 49 mortos

O Hercules C-130 estava com 101 passageiros e 12 tripulantes a bordo, quando caiu em uma área residencial e se incendiou, disse Supriatna à agência France Presse.

Avião Indonésia
AP
Avião Indonésia

Além dos 113 ocupantes, pelo menos três pessoas que estavam na zona de impacto da aeronave morreram. Até o momento, 49 corpos foram transportados para um hospital local.

Questionado sobre se acreditava que alguém tivesse sobrevivido, Supriatna foi categórico: “Não, não. Não há sobreviventes. Regressei agora do local”.

O acidente aconteceu pouco após a decolagem e a queda deixou vários edifícios em ruínas e automóveis em chamas em Medan, que tem dois milhões de habitantes e fica na ilha de Samatra.


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.