Tamanho do texto

Em vídeo, Victoria Xipolitaki, conhecida como a "Grega", deixa claro que foi tratada como "um piloto a mais" e que recebeu até chá das aeromoças; atriz e pilotos estão sendo processados

A ex-atriz pornô Victoria Xipolitaki, conhecida como "a Grega", provocou a demissão de dois pilotos da companhia Austral, subsidiária da Aerolíneas Argentinas, após ajudar na decolagem de um avião que fez a viagem entre Buenos Aires e Rosario.

A atriz, que agora faz teatro e também trabalha na televisão, não apenas permaneceu durante todo o voo 2708 na cabine – o que viola as leis internacionais de aviação civil –, como assumiu o comando da aeronave por alguns segundos.

Ex-atriz pornô é conhecida como
Reprodução/Facebook
Ex-atriz pornô é conhecida como "a Grega"

A companhia aérea descobriu a imprudência após a divulgação de um vídeo feito pela própria Victoria Xipolitaki. Na gravação, ela agradece a eles por estar ali e ainda deixa claro que foi tratada "como uma piloto a mais", recebendo até chá das aeromoças.

Diante da possibilidade de os três serem flagrados, um dos pilotos responde "se me afundo, vou com você". "Então você quer me levar com você?", ela responde. "Isso desde que você entrou no avião", completa o piloto.

Mas essa não teria sido a primeira vez que a também modelo já entrou em uma cabine de avião. No começo do ano, Victoria já havia sido fotografada com outro piloto da companhia aérea Austral em um voo privado.

A ação da ex-atriz pornô pode custar caro à empresa. De 36 passageiros que estavam no voo entre Buenos Aires e Rosario, 22 estão pedindo à Justiça uma indenização de 250 mil pesos (moeda argentina) – cada um – por terem suas vidas colocadas em perigo.

Leia também:

Vítima de vingança pornô, estrela lésbica do YouTube luta por mudança na lei

Professora da República Tcheca é demitida após ter pornô descoberto por alunos

Mariano Recalde, presidente da Aerolíneas Argentina, se mostrou surpreso com o acontecimento. "São dois irresponsáveis que colocaram em risco a vida de muitas pessoas", criticou os pilotos.

Além de demitir Patricio Zocchi Molina e Federico Matías Soares, a empresa está processando os dois ex-funcionários e a modelo. 

O advogado de Vitoria Xipolitaki, Fernando Burlando, disse em entrevista à rádio "Vorterix" que irão denunciar os pilotos por abuso sexual. 

Assista ao vídeo gravado por Vitoria Xipolitaki:


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.