Tamanho do texto

Pelas publicações no Facebook feitas ao longo dos anos, nota-se como um adolescente interessado por música e pelo Real Madrid passou a se identificadas com o extremismo religioso

Um vídeo publicado no Facebook mostra Seifeddine Rezgui, atirador responsável pela morte de 38 pessoas  em uma praia na Tunísia, dançando hip hop em uma gravação caseira.

A identidade do adolescente que aparece no vídeo foi confirmada pelo repórter da BBC Fergal Keane, que está na cidade onde Seifeddine cresceu. Membros da família dele, incluindo a mãe, estão sendo interrogados pela polícia.

Leia mais:  Britânico vira 'escudo humano' para salvar a noiva em ataque na Tunísia

Atentado em hotéis de cidade turística na Tunísia mata ao menos 37 pessoas

Um vídeo publicado no Facebook mostra Seifeddine Rezgui, atirador responsável pela morte de 38 pessoas em uma praia na Tunísia, dançando hip hop em uma gravação caseira
Reprodução
Um vídeo publicado no Facebook mostra Seifeddine Rezgui, atirador responsável pela morte de 38 pessoas em uma praia na Tunísia, dançando hip hop em uma gravação caseira



A gravação divulgada neste domingo (28), feita há cerca de cinco anos, é mais um detalhe que ajuda a compor o perfil do autor do ataque, que acabou morto pela polícia.

França: Ataque terrorista em usina mata um e deixa feridos; vítima foi decapitada

Por meio de publicações no Facebook feitas ao longo dos anos, nota-se como um adolescente interessado por música e pelo Real Madrid passou a se manifestar a favor de ideias identificadas com o extremismo religioso.

Seifeddine Rezgui em sua performance dançando 'break'; vídeo foi compartilhado no Facebook
Reprodução
Seifeddine Rezgui em sua performance dançando 'break'; vídeo foi compartilhado no Facebook




Acredita-se que Seifeddine tenha entrado em contato com grupo de ideologia extremista ao se mudar para a cidade de Kairoan onde estudou engenharia eletrônica e aviação.

A polícia da Tunísia acredita que Seifeddine tenha contado com a ajuda de cúmplices que lhe forneceram a arma e também o transporte até a praia em Sousse, onde o jovem de 23 anos se fez passar por um banhista antes de tirar um fuzil do guarda-sol e começar a atirar contra as vítimas.

Seifeddine Rezgui foi morto após ter atirado e participado do ataque que matou 38 pessoas na Tunísia
Reprodução/BBC
Seifeddine Rezgui foi morto após ter atirado e participado do ataque que matou 38 pessoas na Tunísia






    Leia tudo sobre: Estado Islâmico
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.