Tamanho do texto

Mutlu Kaya, de 19 anos, saiu do tratamento intensivo e foi encaminhada para um quarto privado; garota teria sido atingida por parentes do pai, que tem ligações mafiosas

Jovem levou tiro no rosto em maio deste ano
Facebook
Jovem levou tiro no rosto em maio deste ano

A jovem turca Mutlu Kaya, de 19 anos, saiu do coma após ter levado um tiro no rosto em sua casa em maio deste ano. Segundo a polícia, ela foi baleada por ter participado de um concurso de talentos de um programa na TV. 

Kaya já saiu do tratamento intensivo e foi encaminhada para um quarto privado. "Ela recuperou a consciência e é capaz de se comunicar com a gente", disse um médico do hospital. No entanto, ela está em uma dieta líquida e precisará fazer sessões intensas de fisioterapia.

Leia também:

Jovem é estuprada e morta por motorista dentro de ônibus na Turquia

Candidata de oposição na Turquia é atingida por tiro durante campanha

Em 30 de março, Kaya recebeu a visita da cantora turca Sibel Can, que pediu que ela participasse de um concurso televisivo após tê-la escutado cantar em sua província. Dias após o convite, ela recebeu ameaças de morte de alguns conservadores que acreditam que mulheres devem exercer um papel mais tradicional. 

"Quando ouvi que iria participar, me disseram que iam me matar. Tenho medo", teria dito Kaya à produção do programa, de acordo com a mídia local. Segundo investigações, ela foi atingida por parentes do pai, que tem ligações mafiosas.

Os feminicídios são um problema alarmante na Turquia. Segundo dados de ONGs, em 2014, foram 294 mulheres assassinadas. Neste ano, já são 91.





    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.