Tamanho do texto

Em um evento em Miami, o favorito para vencer as primárias republicanas disse que o país está seguindo no caminho errado

O ex-governador da Flórida Jeb Bush, irmão do ex-mandatário George W. Bush, anunciou oficialmente nesta segunda-feira (15) sua candidatura à Presidência dos Estados Unidos, o que já era dado como certo há meses.

Cenário:  Entenda como funcionam as eleições americanas

O ex-governador da Flórida Jeb Bush discursa após anunciar que concorrerá às presidenciáveis em Miami
AP
O ex-governador da Flórida Jeb Bush discursa após anunciar que concorrerá às presidenciáveis em Miami

Em um evento em Miami, o favorito para vencer as primárias republicanas disse que o país está seguindo no caminho errado e que ele reúne as condições para colocá-lo no rumo certo.

2014:  Resultado das eleições brasileiras pode afetar relação com EUA, dizem analistas

"O que está em jogo é a nossa prosperidade, nossa segurança. Eu fui um governador reformista, não apenas mais um do clube", declarou.

Governador da Flórida entre 1999 e 2007, Jeb Bush é tido como moderado dentro do Partido Republicano e agrada ao eleitorado hispânico, que é bastante representativo nos EUA. Ele é o 11º político da legenda a entrar na disputa presidencial.

Uma das principais críticas a Bush é o fato de pertencer a uma das mais tradicionais oligarquias norte-americanas, sendo irmão e filho de ex-mandatários. No entanto, o mesmo questionamento é feito à ex-secretária de Estado Hillary Clinton, esposa de Bill Clinton e favorita para vencer as primárias democratas.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.