Tamanho do texto

Ao não utilizar roupas, os manifestantes querem, ao menos por um dia, deixar de ser invisíveis no trânsito da cidade

Corpos nus chamam a atenção dos motoristas e da sociedade para a fragilidade dos ciclistas e pedestres no dia a dia do trânsito
Reprodução/Instagram
Corpos nus chamam a atenção dos motoristas e da sociedade para a fragilidade dos ciclistas e pedestres no dia a dia do trânsito

Neste sábado (13), centenas de ciclistas pedalam nus em Londres em um protesto divertido contra a dependência do petróleo e a cultura do carro: é a 10ª edição do World Naked Bike Ride, evento que acontece em 50 cidades do mundo, sendo dez delas localizadas no Reino Unido.

Os corpos nus da campanha chamam a atenção dos motoristas e da sociedade para a fragilidade dos ciclistas e pedestres no dia a dia do trânsito. Ao não utilizar roupas, os aderentes dão visibilidade aos meios de transportes não motorizados e deixam de ser, durante a campanha, invisíveis.

A Pedalada Pelada é  também um protesto contra os efeitos negativos de petróleo, automóveis e energias não-renováveis. Estima-se que, no mundo todo, haja mais de um bilhão de veículos dependentes do petróleo, responsáveis por um sexto das emissões globais de carbono.



    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.