Tamanho do texto

Além de a fuga só ser descoberta horas depois, criminosos provocaram policiais deixando nota desejando "um bom dia"

Não bastasse o fato de terem fugido de uma prisão de segurança máxima nos Estados Unidos e de a fuga só ter sido descoberta horas depois, dois criminosos resolveram provocar seus carcereiros deixando um um bilhete sarcástico na tubulação pela qual escaparam.

Richard Matt, de 48 anos, e David Sweat, de 34, usaram furadeiras e outras ferramentas para abrir um buraco na parede de trás da cela e escalarem uma série de tubulações e túneis, até saírem em um bueiro a 30 quilômetros do Canadá.

Em vários jornais americanos, a fuga foi comparada à vista no filme Um Sonho de Liberdade, com Tim Robbins e Morgan Freeman.

Leia mais:

Preso em lama movediça, adolescente britânico liga para mãe e é resgatado

Mulher atira acidentalmente na própria cabeça ao tenta tirar selfie com pistola

Foi a primeira fuga da prisão Clinton Correctional Facility, em Dannemora (estado de Nova York) em 150 anos, e o governo está oferecendo US$ 100 mil como recompensa por informações da dupla.

No bilhete, havia um desenho juntamente com a frase: "Tenham um bom dia".

'Perigosos'
"Esses são homens perigosos capazes de cometer graves crimes novamente", disse o governador, Andrew Cuomo.

Segundo as autoridades, os criminosos deixaram roupas debaixo das cobertas para fazer os guardas acreditarem que eles estavam dormindo, enquanto estavam fugindo, na noite de sexta-feira.

Os seguranças só se deram conta da fuga na manhã seguinte.

Mundo Insólito:

"Fiz algo ruim", disse 'Wolverine do mal' a amigo antes de cometer suicídio

Homem leva tiro de vizinho e é salvo por iPhone

De acordo com o governador, é provável que outros prisioneiros tenham ouvido o barulho das furadeiras. Mais de 200 homens estão trabalhando nas operações de buscas, com cães farejadores e helicópteros.

"Vamos revisar os detalhes exatos da fuga pra que isso não aconteça novamente", disse Cuomo, acrescentando que a polícia está investigando quem forneceu as ferramentas à dupla.

Matt estava cumprindo pena mínima de 25 anos por sequestrar e espancar até a morte um homen em 1997. E Sweat cumpria de prisão perpétua, pelo assassinato de um policial.

A dupla pode ter cruzado a fronteira para o Canadá ou para outro Estado americano, segundo o governador.

Cuomo postou fotos dos encanamentos e túneis usados na fuga – e do bilhete sarcástico.


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.