Tamanho do texto

Incidente aconteceu ontem à noite; Dimas Gómez foi morto com vários tiros disparados por sujeitos encapuzados

O conselheiro do governista Partido Socialista da Venezuela (PSUV), Dimas Gómez Chirinos, foi assassinado junto com seu filho em uma tentativa de roubo, informou a imprensa venezuelana neste sábado (21).

O incidente ocorreu na noite de ontem, no estado de Falcón. Eles foram mortos com vários disparos por sujeitos encapuzados. Gómez, de 47 anos, e seu filho, Eli Gómez, de 23 anos, tinham acabado de deixar um restaurante do qual são proprietários quando foram abordados.

Leia também:  Parlamento da Venezuela autoriza Maduro a governar por decreto

Um outro filho do conselheiro, que estava com eles no momento do crime, ficou ferido e foi levado ao Hospital de Maracaibo.

Nem Investigadores nem peritos ainda se pronunciaram sobre os assassinatos, que estão sendo relatados por sites e jornais da Venezuela.

Uma das promessas do presidente Nicolás Maduro (PSUV) é resolver a questão da insegurança na Venezuela, o qual, de acordo com a ONG Observatório Venezuelano de Violência (OVV), é o segundo país da região com maior taxa de homicídios.

Leia também:  Câmera de segurança flagra prisão de prefeito de Caracas; assista