Tamanho do texto

Companhia de Engenharia de Tráfego emitiu 123.102 multas pela infração entre janeiro e dezembro de 2013, número que chegou a 168.436 neste ano

Atualmente, a CET emite média de 42,1 mil multas ao mês por uso de celular ao volante na cidade de São Paulo
Epitácio Pessoa/ AGE/ Estadão Conteúdo
Atualmente, a CET emite média de 42,1 mil multas ao mês por uso de celular ao volante na cidade de São Paulo

O número de multas pelo uso indevido do celular só tem crescido na cidade de São Paulo. Se entre janeiro e abril de 2013 foram 123.102 atuações, no mesmo período deste ano elas chegaram a 168.436, um aumento de 36% em três anos. 

E, se você pensa que estar parado em um congestionamento é um bom motivo para largar o volante e tirar uma selfie ou mandar uma mensagem, está errado. O motorista que usa celular quando o carro não está estacionado corre o risco de ser autuado com uma infração média, que gera multa no valor de R$ 85,13 e acréscimo de quatro pontos na Carteira Nacional de Habilitação.

“Imaginava que não podia, mas certeza total eu não tinha", conta o analista financeiro André Gomes, de 23 anos. que garante nunca ter usado o celular com o carro em movimento. Ele recebeu recentemente uma multa pelo uso indevido do aparelho – quando olhava seu smartphone enquanto aguardava o semáforo abrir. "Passei a tomar mais cuidado. Muito mais."


Puxão de orelha

O caso de Gomes exemplifica bem uma das ações que mais rendem infrações na capital paulista. Para muita gente já é habitual olhar para a tela do aparelho quando o carro está parado. Um hábito tão comum que é mostrado com naturalidade em programas de televisão.

Recentemente,  o  Departamento de Trânsito (Detran) de São Paulo deu uma bronca pública na apresentadora Angélica por ela aparecer no programa "Estrelas" falando ao celular enquanto dirigia. 

"É fã da Angélica? Conta para ela, urgente, que falar ao telefone enquanto dirige diminui a atenção e a falta de atenção pode causar um baita acidente", postou o Detran SP no Facebook. "Quem sabe na próxima, a pedido dos fãs, ela não vá de táxi?"

A partir de novembro, os valores das multas serão reajustados em todo o País. A infração por uso de celular, que é média, vai subir de R$ 85,13 para R$ 130,16. As multas também sobem para infrações leves (R$ 88,38), graves (R$ 195,23) e gravíssimas (R$ 293,47).