Tamanho do texto

Empreeendimentos visam despreocupar público que está apreensivo em relação aos casos de transmissão local do zika vírus no Estado da Flórida

Repelentes são fornecidos na versão spray e loção para proteger visitantes do mosquito Aedes aegypti, vetor do zika vírus
Pixabay
Repelentes são fornecidos na versão spray e loção para proteger visitantes do mosquito Aedes aegypti, vetor do zika vírus

O complexo de parques Walt Disney World, Universal Orlando Resort e o SeaWorld, todos em Orlando, na Flórida, começaram a fornecer no domingo (28) repelentes – na versão spray e em loção – gratuitamente aos visitantes diante das preocupações com o vírus zika, que é transmitido principalmente por mosquitos.

LEIA MAIS:  Prefeito de Miami quer mais recursos para combate ao zika vírus

Nenhum caso de transmissão do vírus zika por mosquitos foi encontrado no centro da Flórida, mas as autoridades dos parques temáticos disseram que começaram a fornecer o repelente como uma precaução e para aliviar as preocupações dos visitantes.

O Departamento de Saúde dos EUA está investigando os casos de transmissão do vírus zika nos condados de Miami-Dade e Palm Beah no sul da Flórida, bem como em Pinellas, em Tampa