"Erro de associação" causou problemas nas notas do Enem, diz presidente do Inep

Órgão identificou falha na associação entre os códigos das provas e os códigos dos candidatos, o que fez alguns terem notas mais baixas

Segundo Lopes. redações não foram afetadas pelo erro
Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil
Segundo Lopes. redações não foram afetadas pelo erro

O presidente do Inep , Alexandre Lopes, disse em entrevista coletiva realizada na noite desta segunda-feira (20) que os erros causados na correção das provas do Enem foi causado por um erro de associação gráfica.

“Trabalhamos 24 horas por dia desde sexta-feira e identificamos que o erro na associação do código da prova com o código do aluno foi o responsável pelos problemas na correção das provas. Com isso, o gabarito foi corrigido com a cor errada. Essa foi a consistência que conseguimos perceber”, afirmou ele.

Leia também: Após problemas no Enem, inscrições do Sisu ficarão abertas por dois a mais

Você viu?

Alexandre disse ainda que a redação não foi afetada com esse erro. Não houve problemas na redação. O processo de correção é diferente. Ela é corrigida após a digitalização, portanto, em nada foi atingida.”

Ao todo, 5.974 provas foram afetadas com o erro.

Leia também: Sisu abre amanhã: veja passo a passo de como fazer a inscrição

Em relação ao Sisu, o presidente do Inep afirmou que apenas as inscrições foram alteradas. Com isso, o período de inscrições foi prorrogado: vai de terça-feira (21) a domingo (26). Os resultados saem no dia 28.