Professor humilhado por aluno em Rio das Ostras pediu sua demissão; vídeo vem circulando nas redes sociais
Reprodução/Youtube
Professor humilhado por aluno em Rio das Ostras pediu sua demissão; vídeo vem circulando nas redes sociais

Um vídeo de apenas três minutos, que circula as redes sociais nesta quinta-feira (20), registrou parte da humilhação sofrida recentemente por um professor em um Centro Integrado de Educação Pública (Ciep) em Rio das Ostras, litoral norte do estado do Rio de Janeiro. Agora, no início da tarde de hoje, o aluno que protagoniza tal vídeo gravou outro pedindo desculpas ao professor humilhado. 

Leia também: Se liga! Vestibular Fuvest 2019 encerra inscrições às 12h desta sexta-feira

As desculpas, no entanto, chegam com atraso. O professor humilhado , segundo a TV Globo , já pediu demissão do colégio e continuará dando aulas no Rio, mesmo temendo pela sua segurança. O nome do professor é Thiago dos Santos Conceição, de 31 anos, que dava aula de Língua Portuguesa no Ciep municipal Mestre Marçal.

O episódio aconteceu na última terça-feira (18). No vídeo que mostra a humilhação do professor é possível perceber que uma série de alunos o ofenderam – mesmo com o mestre mantendo a calma. Um dos adolescentes, inclusive, chegou a arremessar uma pochete na direção do profissional, enquanto ele estava de costas, escrevendo na lousa.

Após ser questionado pelo professor se a intenção era atingi-lo, um outro aluno, em tom de deboche, respondeu: "'Peraí' que agora vai acertar".

Os alunos respondiam a uma prova de Língua Portuguesa, mas poucos levavam a avaliação a sério. O mesmo aluno que atirou a pochete no profissional entregou a sua prova completamente amassada ao professor, com as questões respondidas com palavrões. Além disso, ele chegou a morder parte da prova de outro aluno, que entregou o documento pela metade, sorrindo da graça do amigo. 

Você viu?

Leia também: MEC adia prazo final para lista de espera do Fies para essa sexta-feira

Essa aluno mais bagunceiro ainda chegou a ser questionado por um colega de turma em Rio das Ostras . "Vai matar o professor, cara? Faz isso não. O cara te dá aula, o cara é maneiro", afirmou um estudante, que ouviu a resposta: "O cara nunca mais vai dar".

O pedido de desculpas ao professor humilhado

Aluno pede desculpas a professor humilhado após agredi-lo e hostilizá-lo em Rio das Ostras, litoral norte do Rio
Reprodução/Facebook
Aluno pede desculpas a professor humilhado após agredi-lo e hostilizá-lo em Rio das Ostras, litoral norte do Rio

Dada a repercussão do caso, o jovem que protagonizou as cenas de humilhação contra o professor Conceição gravou um vídeo lamentando o ocorrido. Sem se identificar, o jovem disse que reconheceu o erro, que não gostaria de tratar o pai ou o irmão da mesma forma e que "não raciocinou" sobre as consequências no momento da ação.

"Ninguém é perfeito. Todo mundo já teve um momento de criança", disse. "Queria pedir desculpa pelo acontecido, pelo fato de ter feito o que eu fiz na sala de aula. De ter tacado o objeto no quadro, que quase pegou nele [professor], de ter ficado brincando com a prova dele em horário de prova", afirmou.

"Nenhum ser humano gosta de ser tratado assim, mas na hora do embalo acaba fazendo, não raciocinando as consequências. Por isso estou aqui pedindo desculpas pelo acontecido, pelo que eu fiz. Reconheço o meu erro. Só isso. Só pedir desculpas. Sei que errei. Errei com o professor", disse. "Isso é coisa de marginal, de vacilão, entendeu? A gente tá na escola pra estudar, não é pra ficar debochando da cara de ninguém".

Leia também: Pais não podem tirar filho da escola para ensiná-lo em casa, decide STF

O professor humilhado não chegou a se pronunciar após a gravação do vídeo de pedido de desculpas. Porém, sua vaga como docente de Língua Portuguesa no Ciep Mestre Marçal já está aberta para outros profissionais. 

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários