Tamanho do texto

Matrícula deve ser na instituição nos dias 19, 22 e 23 de junho

O Ministério da Educação (MEC) divulgou, na manhã desta segunda-feira (15), o resultado da segunda edição do Sisu de 2015. A matrícula deverá ser feita na instituição de ensino, nos dias 19, 22 e 23 de junho.

No total, foram 55.571 vagas em 72 instituições públicas de ensino superior e pelo menos 1.095.050 candidatos se inscreveram para o processo seletivo. Nesta edição, pelo menos 37,5% das vagas foram para estudantes cotistas.

Clique aqui e veja a lista de aprovados no Sisu

Quem não conseguiu uma vaga na chamada regular pode participar da lista de espera inscrevendo-se na página do Sisu, a partir de hoje (15). O prazo para a adesão à lista vai até o dia 26 de junho.

Veja as universidades com nota máxima do MEC:


Como funciona o Sisu?

Por meio do Sisu, os estudantes participantes do Enem concorrem a vagas de ensino superior em instituições públicas. No endereço da página do Sisu, o estudante poderá se inscrever para até duas opções de vaga, especificando a ordem de preferência. Durante o período de inscrição é possível mudar as opções. O candidato também precisa definir se deseja concorrer às vagas de ampla concorrência, às vagas reservadas à lei federal de cotas ou às vagas destinadas às demais políticas afirmativas das instituições.

Durante o período de inscrição, uma vez por dia, o Sisu calcula a nota de corte, que é a menor nota para ficar entre os potencialmente selecionados para cada curso, com base no número de vagas disponíveis e no total dos candidatos inscritos naquele curso, por modalidade de concorrência. A nota é apenas uma referência, e não uma garantia de que o estudante será selecionado. 


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.