Mateus Prado

Educador analisa o Enem, os vestibulares e o ensino brasileiro

Mateus Prado cursou Sociologia e Políticas Públicas na USP. É presidente nacional do Instituto Henfil e autor de livros didáticos. Presta assessoria em Enem

A língua estrangeira no Enem

Exame não exige conhecimento aprofundado de espanhol e inglês; questões são de interpretação de textos curtos

27/10/2012 08:00

  • Mudar o tamanho da letra:
  • A+
  • A-
Compartilhar:

A segunda competência que aparece na prova de Linguagens do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) é a que cobra inglês ou espanhol. O aluno, no momento da inscrição para o exame, faz a opção entre uma dessas línguas e não pode mudá-la durante a prova. Serão cinco questões e é preciso ter muita atenção porque a prova conterá as perguntas das duas línguas, mas o candidato terá que responder e passar para o gabarito as alternativas de apenas uma delas.

O Enem não exige um conhecimento aprofundado das línguas. O que a prova cobra é o popularmente conhecido inglês, ou espanhol, "instrumental". Trata-se do conhecimento da língua estrangeira para leitura e uso aqui mesmo no Brasil e não em viagens ao exterior. O Enem medirá a capacidade do aluno de ampliar suas habilidades de compreensão de textos – e do mundo moderno – através do entendimento de textos curtos em uma dessas línguas.

O formato das questões será bem próximo ao de textos em língua estrangeira que encontramos em nosso dia a dia: manuais de instruções, letras de músicas, embalagens de produtos, anúncios nacionais que trazem palavras estrangeiras, fragmentos de notícias de interesse geral em sites internacionais e propagandas, ou campanhas institucionais de governos ou organizações mundiais.

Os falsos cognatos (palavras que são parecidas em português e na língua estrangeira, mas que têm significados diferentes) podem atrapalhar o candidato que não estiver muito atento aos textos propostos. As respostas (alternativas) serão apresentadas em português e saber identificar a intenção do texto é o melhor caminho para quem não possui domínio pleno da lingua escolhida. Como é natural que os textos tratem de temas da atualidade, quem tem o costume de ler e se manter informado pode se beneficiar disso e acertar questões até mesmo reconhecendo poucas das palavras em língua estrangeira.

Dicas de estudo
Desenvolvendo e aprimorando habilidades e competências
1. Caderno e caneta na mão. Em sua casa, procure expressões em língua estrangeira em embalagens de produtos, em eletrodomésticos, em equipamentos eletrônicos, em jornais e revistas e em todos os outros lugares possíveis. De posse das expressões, veja quais você sabe o significado. As que você não souber, ou não tiver certeza, faça uma pesquisa para descobrir.
2. O mundo da informática é um dos que mais utilizam expressões em língua estrangeira. Providencie uma lista com todas as palavras de que você lembra que, apesar de fazerem parte do dia a dia do mundo da informática, possuem origem estrangeira. Confira o significado de cada uma delas e veja se poderíamos usar palavras em português para representar as mesmas coisas. Depois faça isso com o mundo dos negócios e com o da economia.
3. Você já ouviu falar da lei contra estrangeirismos? Informe-se sobre ela, sobre a polêmica que causou e discuta sua opinião com seus amigos.

Vamos a algumas questões, da Competência 2 de Linguagens, que foram cobradas em edições anteriores da prova do Enem:

Foto: Reprodução

Disponível em www.gaturro.com. Acesso em 10/08/2010


O gênero textual história em quadrinhos pode ser usado com a intenção de provocar humor. Na tira, o cartunista Nik atinge o clímax dessa intenção quando:
A) apresenta, já no primeiro quadro, a contradição de humores nas feições da professora e do aluno.
B) sugere, com os pontos de exclamação, a entonação incrédula de Gaturro em relação à pergunta de Ágatha.
C) compõe um cenário irreal em que uma professora não percebe no texto de um aluno sua verdadeira intenção.
D) Aponta que Ághata desconstrói a ideia inicial de Gaturro a respeito das reais intenções da professora.
E) congela a imagem de Ágatha, indicando seu desinteresse pela situação vivida por Gaturro.

Comentário: Neste caso, a interpretação de Gaturro estava equivocada. A HQ relata algo muito comum em provas ou testes, por exemplo: muitas vezes, somos induzidos por nós mesmos a interpretar algo de maneira errada. Neste caso, não ocorreu ao personagem que as marcas eram de correção ortográfica (opção óbvia e plausível, já que se trata de uma correspondência entre professor e aluno), mas sim de que eram tórridas marcas de batom. Muitas vezes, quando somos colocados a interpretar um texto, iniciamos a leitura com uma convicção errada que nos leva a responder equivocadamente. É sempre importante prestar atenção nestes impulsos de compreensão para não sermos enganados por eles.
Gabarito: D

 

Foto: Reprodução

Voto electrónico en Brasil. Disponível em www.votoelectronico.info/blog. Acesso em 12/04/2009 (adaptado)

Pela observação da imagem e leitura do texto a respeito da votação eletrônica no Brasil, identifica-se como tema:
A) a funcionalidade dos computadores, por meio das palavras-chave teclado, botones, impresión, electrónicas e computadora.
B) a evolução das máquinas modernas, por meio das palavras-chave teclado, botones, impresión, electrónicas e computadora.
C) a segurança da informação, por meio das palavras-chave electrónica, clave, seguridad, verificación e identidad.
D) o sistema brasileiro de votação eletrônica, por meio das palavras-chave urna, teclado, voto, botones e elector.
E) a linguagem matemática, por meio das palavras-chave numérico, clave, pequeña, dimensión e energia.
 

Comentário: Nesta questão, a chave está novamente na atenção ao vocabulário. As palavras “uma, teclado, voto, botones e elector” apresentam-se claramente a favor de um texto sobre o sistema brasileiro de votação. Outra forma de percepção disto é a análise da imagem, que mostra uma urna eletrônica, cujo formato, funcionamento e técnica é exclusivamente brasileiro.
Gabarito: D

 

Foto: Reprodução

Disponível em www.chris-alexander.co.uk/1191. Acesso em 28/7/2010



Comentário: Nesta questão, apresenta-se as chamadas metas do milênio, uma lista de 8 objetivos mundiais cuja realização tem de ser concluída até o ano de 2015. As oito metas propõem alteração de políticas públicas (combater a mortalidade infantil, a AIDS e outras doenças) e de mentalidade (uma parceria global entre os povos para o desenvolvimento).
Gabarito: C


Foto: Reprodução

.

Comentário: No texto, o autor conclama o leitor a enviar cartões postais com dúvidas ou mensagens sobre a Antártida, e promete respondê-lo, também via cartão postal. A brincadeira gira em torno da pessoa receber, em casa, um cartão postal diretamente da Antártida, um acontecimento inédito para a maioria de nós. Na questão, o aluno que souber o significado do verbo “send” (mandar), provavelmente entenderia seu conteúdo de forma geral, já que o texto começa com “send us a postcard” (nos envie um cartão postal) e termina com “and we'll send a postcard to you” (e nós enviaremos um cartão postal para você).
Gabarito: D

Sobre o articulista

Mateus Prado - mateusprado@usp.br - Mateus Prado cursou Sociologia e Políticas Públicas na USP. É presidente nacional do Instituto Henfil e autor de livros didáticos. Presta assessoria em Enem

» Mais textos deste articulista

    Notícias Relacionadas



    Previsão do Tempo

    CLIMATEMPO

    Previsão Completa

    • Hoje
    • Amanhã

    Trânsito Agora

    INDICADORES ECONÔMICOS

    Câmbio

    moeda compra venda var. %

    Bolsa de Valores

    indice data ultimo var. %
    • Fonte: Thomson Reuters
    Ver de novo